NARRATIVAS DE COMUNIDADES MINEIRAS GANHAM REPERCUSSÃO COM PROJETO ‘VÍDEO-CARTAS’

Vídeo sobre produção de Pimenta do Reino na Comunidade Pratinha, por exemplo, é destaque no You Tube.

Por Mateus Felipe Oliveira.

Ao ser entrevistado em Ataleia-MG, o produtor Ivanildo conta em vídeo sobre o plantio de pimenta-do-reino a partir de sua experiência pessoal. Trata-se de um entre muitos vídeos que compõem o acervo do canal do projeto de extensão e cultura 'Vídeo-Cartas', o qual, vinculado à Universidade Federal dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri (UFVJM), visa à produção de vídeos amadores de curta metragem por e para comunidades do campo. A ideia parte da necessidade de divulgar traços e aspectos tradicionais das comunidades de estudantes da Licenciatura em Educação do Campo (LEC) da universidade. E os números parecem confirmar que isso vem ocorrendo. A conversa com Ivanildo, mais conhecido como "Vanda" pela comunidade local, já possui mais de vinte mil visualizações no canal do projeto no YouTube.

Seu Ivanildo. Imagem do Youtube
Seu Ivanildo. Imagem do Youtube

Segundo Maria Natiele, autora do vídeo e integrante do projeto, sua ideia era mostrar os novos investimentos agrícolas feitos na comunidade Pratinha, município de Ataléia-MG, já que a economia antes girava em torno da pecuária e, recentemente, a agricultura voltou a ganhar espaço na produção de renda. Por mais que os investimentos nesse setor ainda sejam recentes, na perspectiva da autora do vídeo, eles só tendem a trazer melhorias e uma maior visibilidade para a comunidade. Em sua visão, ainda, a falta de novidade e de circulação de capital faz com que a comunidade fique estagnada e as políticas públicas não tem manifestado nenhum interesse em promover meios de facilitar o trabalho dos sujeitos do campo.

Com o vídeo, na visão da autora, é possível valorizar os saberes dos produtores e divulgar suas ações e seus conhecimentos. Com sua experiência no projeto, Maria Natiele observa que, ao se fazer este tipo de vídeo ou entrevista, é comum que as pessoas de início afirmem que não sabem nada e, na verdade, como vai ficando nítido no processo, são sujeitos que conhecem muito. A repercussão do vídeo, além disso, mostra o quanto é importante a valorização de saberes tradicionais. Com a publicação da entrevista, surgiram inúmeras perguntas e comentários no canal, o que gerou a necessidade de produção de um novo vídeo para esclarecer essas dúvidas e dar um retorno aos internautas.

Observou-se, em geral, que houve um retorno bem positivo com relação às explicações de "Vanda". Para exemplificar, vale ressaltar, por fim, um comentário feito por internauta a respeito das explicações do entrevistado :

"Sr. Ivanildo me apaixonei pela forma que o sr explica tudo tão direitinho, que maravilha muito obrigado e muito lindo, dá pra ver que o sr tem muito prazer em fazer o que faz, amei a máquina que você fez pra debulhar a pimenta muito inteligente[...]".

Veja o vídeo completo:


Caso tenha ficado curioso, os vídeos estão disponíveis no canal do projeto no You Tube, basta acessar o link <https://www.youtube.com/channel/UCNXnobbemW0_fyLOYdadpmg>

Veja também

A Marcha das Margaridas deste ano teve como tema "A Marcha das Margaridas na luta por um Brasil com soberania popular, democracia, justiça, igualdade e livre de violência". A sexta edição do evento reuniu cerca de 100 mil mulheres em Marcha em direção à Esplanada dos Ministérios.